A Divina Comédia – Inferno – Dante Alighieri

23/07/2010

Por José Reinaldo do Nascimento Filho

Terminei.

Há pouco mais de uma semana comecei a ler “A Divina Comédia – Inferno”, de Dante Alighieri; e, como é de costume aqui nos meus textos, venho novamente para elogiar essa grande obra (Por que será?).

Estive na casa do meu irmão Leonardo faz dois dias, e nessa ocasião pedi para que ele transferisse alguns arquivos do seu computador para o meu pen-drive, no entanto, e para minha trágica surpresa, ele me informou: “Tem 57 vírus no pen-drive”. Eu, inocente, perguntei: “Por que as pessoas criam vírus?”. Ele respondeu: “…”. Eu termino com a frase: Pelo menos eu sei que eles vão para o inferno” (Lindo, não?)

E saí dali me perguntando: No qual círculo do Inferno os hackers queimarão?

Não farei como Dante que mandou par o inferno seus inimigos. Ao contrário: Eu mesmo farei o meu julgamento (e não serei injusto). Onde iria Reinaldo se ele morresse hoje (na pior das hipóteses, claro): “O Ante-Inferno”.

Essa região inicial se encontra fora do primeiro círculo, e foi criado para a morada de todos aqueles que, em vida, permaneceram indecisos, covardes e que passaram a vida “em cima do muro”. A lógica é simples: recusar a escolha – Céu ou Inferno? – é escolher a indecisão. A punição: os covardes são condenados a correr em filas atrás de uma bandeira que corre rapidamente, picados por vespas e moscões.

A visão não é nada agradável (mas nada no inferno é agradável). E se você ainda estiver em dúvida, esteja ciente de que, na entrada do inferno, está escrito:

“Deixai toda esperança, vós que entrais.”

Ah, sim. Parabéns, novamente, coleção abril!

Anúncios

4 Respostas para “A Divina Comédia – Inferno – Dante Alighieri

  1. Este será um dos livros que lerei nas férias, até para compensar um pesadelo recorrente de infãncia, em que sempre me imaginava no Inferno – SEMPRE!

    Hoje, anulo qualquer projeção sobre o que me espera ‘post-mortem’, mas admiro (com termo) a transposição do Ante-Inferno que o Pasolini fez em SALÒ, OU OS 120 DIAS DE SODOMA, um dos meus filmes mais pessoais enquanto assunção de desejos pervertidos que beiram o… “infernal”

    Quanto a estes 57 vírus, certeza que a maioria vem do DAA… Luana já perdeu um computador por causa deles e eu idem. Mas não acho que os ‘hackers’ sejam demoníacos não… A cibernética em si o é, logo, eles são meros efeitos cardeais do sistema.

    De resto, em breve poderei contestar (ou não) com propriedade teu encanto diante desta obra!

    WPC>

  2. eu também fazia isso, de tentar encaixar as pessoas e atitudes em cada circulo do Inferno! sajiosjaojsai, e é também concordo, temos que elogiar essa grande obra de Dante! para mim a melhor que existe *O*

  3. tenho certeza de que voce nao entendeu nada, se voce tivesse entendido alguma coisa voce ao menos publicaria no seu blog, voce le livros bons, mas nao entende absolutamente nada.
    espera, voce entende sim alguma coisa, os classicos da disney.

    • Obrigado Marcos Mandela, cujo email começa com Benjamin (?). Continue acessando o nosso blog, e nos ajudando a compreender os livros que lemos. Se puder, esclareça as partes que não entendi da Divina Comédia. Conhecimento é sempre bem vindo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s