O Silêncio de Maria – Inácio Larrañaga

Por José Leonardo Ribeiro Nascimento

Comecei hoje esse pequeno e fantástico livro de espiritualidade do “Profeta da Oração”, Frei Ignácio Larrañaga, sacerdote capuchinho espanhol. A partir da reflexão sobre o Silêncio de Maria – não silêncio da omissão, mas da humildade, da obediência e da fidelidade a Deus – ele nos oferece um refinadíssimo retrato de como podemos nos portar diante da vontade do Senhor.

O livro é um estudo – científico e espiritual – que remonta à origem dos primeiros capítulos do Evangelho de Lucas, cujas informações a respeito da infância de Jesus só podem ter saído dos santos lábios de Nossa Senhora.

Ao se referir à Mãe, o Frei assim se pronuncia:

“A humildade e modéstia envolvem permanentemente, como uma atmosfera, a vida de Nossa Senhora. Ela nunca concentra a atenção. Maria sempre proclama e transfere. Transfere ao Outro. Só Deus é importante.”

Em outros momentos, o Frei, inspirado pelo Espírito Santo, nos presenteia com algumas reflexões:

“Crer é entregar-se. Entregar-se é caminhar incessantemente em busca do Rosto do Senhor. […] Crer é partir sempre.”

“Deus é impalpável como uma sombra, e ao mesmo tempo sólido como uma rocha. O Pai é, eminentemente, Mistério, e o mistério não se deixa agarrar nem analisar. O mistério, simplesmente, aceita-se em silêncio.”

Olha a definição da fé que o Frei dá:

“A fé é sempre levantar-se  e sempre partir para buscar Alguém, cuja mão nunca apertaremos.”

Em relação ao silêncio, são muitas as considerações. Eu, particularmente, sou um amante do silêncio, e minha natureza introspectiva favorece isso. Concordo com o autor quando diz:

“Tudo que é definitivo nasce e amadurece no seio do silêncio: a vida, a morte, o além, a graça, o pecado. O palpitante sempre está latente.”

Quando terminar a leitura, posto as minhas considerações finais.

Anúncios

9 Respostas para “O Silêncio de Maria – Inácio Larrañaga

  1. Não sou mariano, mas não estou impedido de concordar com o teu espanto.
    Aliás, achei algumas das posições similares ás de Pascal, meu filosófo preferido, que cria e apostava sem cessar num “Deus silencioso”…

    WPC>

  2. Já Li e recomendo a leitura do livro “O Silêncio de Maria” de Frei Inácio Larrañaga que nos ajuda a ceitar em Paz as adversidades da vida e silenciar diante de situações difícies. ” Tudo aceito com amor, que seja feito a vontade de DEUS”

  3. No dia 8 de maio de 2012 aconteceu uma tragedia,uma aeronave da policia aqui de Goiania caiu numa cidade no interior de Goias,nessa aeronave havia 8 pessoas e aconteceu dessa aeronave sofrer um grave acidente vindo a pegar fogo.morreram todos os ocupantes carbonizados.do helicoptero não sobrou nada,mais assistindo as reportagens alguns dias depois do acidente ouvi do reporter a seguinte noticia;que dentro do helicoptero tudo havia virado carvão mais foi encontrado dois aliás tres objtos praticamente intactos uma biblia que queimou só uma pontinha,o dispositivo de um dos delegados que nela continha a foto da unica filhinha dele e o livro ( O silêncio de Maria)fiquei me perguntando o que Deus quer nos dizer?Acho que nada e por acaso.

  4. é no silêncio de Maria que aprendemos que DEUS TAMBÉM QUER NOS FALAR…fala meu DEUS, PRECISO TE ESCUTAR .

  5. Mariana, acredito em Maria, e só hoje tomei conhecimento da oração :Senhora do Silêncio, do Frei Ignácio. Estou encantada com essa maravilha. Correndo adquirir o livro. NSra. continue fazendo maravilhas em minha vida e nas do mundo inteiro!

  6. O frei e um anjo do Senhor que nos guia atraves desta obras tao abencoadas .conhecer a oficina de oracao e vida , foi conhecer o meu interior atraves do amor de Deus . Todos voces meu amigos precisam conhecer esta maravilha em paroquea de sua cidade .Paz e Bem. Carmen sua irma no amor de Deus

  7. Estou lendo este livro, muito devagar, tendo a Bíblia ao lado. Maravilhoso conhecer mais sobre MARIA, virgem e mãe. Somos dez filhos, todos minha mãe entregou a Maria ao nascermos. Meu amor, minha afinidade com ela cresce a cada dia mais e mais, agora então, quero consagrar-me “inteiramente” a ELA.
    “Bendito é o Fruto do Vosso ventre, amém!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s