Testemunho 65 – Juan Carlos Castagnino

Anúncios

3 Respostas para “Testemunho 65 – Juan Carlos Castagnino

  1. Deve haver alguma boa justificativa para esse quadro, mas não vou atrás dela. Vou ficar com a impressão que me causou: queria vê-lo ao vivo e contemplá-lo longamente, refletir, rezar a partir do que a sua imagem me evoca (mesmo desconfiando que a intenção do autor não tenha sido exatamente essa, mas esta é só uma impressão).

  2. Eu tenho quase certeza de que a intenção do autor seja contrária a esta (risos): o quadro me lembrou aquelas experiências radicais do Alejandro Jodorowsky, que, garanto, não são atéias: quem viu A MONTANHA SAGRADA bem o sabe…

    Puxa, forte, visse? Gostei muito!

    Mas faria algo parecido com o que tu farias, Leonardo, diante deste quadro: obra de arte de verdade não enforca o espectador nas intenções do autor: vão bem além disso! Que o re-diga meu patrono semiótico Umberto Eco…

    WPC>

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s