Desmachadeando Machado: é certo reescrever a obra de alguém (com recursos públicos)?

A escritora Patrícia Secco conseguiu aprovar um projeto junto ao Ministério da Cultura com o objetivo de divulgar a leitura. Como ela resolveu fazer isso? Reescrevendo Machado de Assis e José de Alencar, substituindo palavras mais difíceis por outras mais simples, atualizando termos, enfim, empobrecendo a obra e, inevitavelmente, desmachadeando Machado.

É esse o caminho para criar nas pessoas o gosto pela leitura dos clássicos brasileiros?

Uma resposta para “Desmachadeando Machado: é certo reescrever a obra de alguém (com recursos públicos)?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s