Clássicos da Literatura Disney – Volume 10

Por José Eduardo Ribeiro Nascimento

Donald Furioso
História produzida em 1966
Roteiro e arte de Luciano Bottaro
62 Páginas

A Lâmpada do Paladino
História produzida em 1990
Roteiro e arte de Giorgio Bordini
20 Páginas

Patópolis Libertada
História produzida em 1967
Roteiro e Guido Martina e arte de Giovan Battista Carpi
65 Páginas

Depois de um tempo sem dar as caras no blog, Os Clássicos da Literatura Disney voltam com força total. Neste décimo volume, temos como tema as Cruzadas. A primeira história, Donald Furioso, é baseada no épico italiano Orlando Furioso. Na HQ Donald é transportado para a Idade Média por brincadeira da bruxa Vanda. O herói deve salvar uma princesa para provar seu valor a Pato Magno (Tio Patinhas); depois, por obra da bruxa Vanda novamente, a Princesa fica com o escudeiro e Donald fica com a fúria e a perda de juízo.. História interessante e divertida, os desenhos são simples, mas as cores vivas ajudam a dar um toque legal aos quadrinhos.

Em A lâmpada do Paladino, Tio Patinhas embarca na leitura de um livro sobre Paladinos e Cavaleiros, e acaba entrando na história. Ele deve passar por sete perigosas e mortais rimas, sem esquecer da lâmpada, para no final abrir um cofre de pedra que protege um tesouro. Em Patópolis libertada, o pato Donald e seus sobrinhos retornam de férias para sua cidade, mas descobrem que ela está protegida por uma espécie de cúpula de vidro invisível. Este é mais um plano de João Bafo-de-Onça , juntamente com os Metralhas. Os patos recebem a ajuda de Mickey e Pateta para solucionar o problema. É a típica história de qualidade Disney, na melhor tradição dos grandes roteiristas/ desenhistas: divertida, interessante, bonita e colorida. Ainda tem o bônus de misturar Mickey e seu maior vilão, o Bafo, e os patos e seus maiores inimigos, os Metralhas.

Anúncios

2 Respostas para “Clássicos da Literatura Disney – Volume 10

  1. Os crossovers sempre funcionaram muito bem no universo Disney (se bem que não é exatamente um crossover).
    Mickey nas histórias de investigação é espetacular, assim como nas histórias de aventuras (lembro da clássica história em que ele vai ajudar o herdeiro de Lawrence da Arábia. Demais).

    Ótimo retorno. Estava fazendo falta, Eduardo.

  2. Eles estão realmente se superando: adaptar “Orlando Furioso” e/ou qualquer episódio sobre as Cruzadas para as crianças é uma tarefa digna de ser elogiada!

    WPC>

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s